segunda-feira, 4 de julho de 2016

Referência CT/ES-003: Convite à sua participação para actividade SOTA em 16 de Julho de 2016




Divulgação:
Referência CT/ES-003: Convite à sua participação para actividade SOTA em 16 de Julho de 2016

Caro colega,

No Sábado, dia 16 de Julho de 2016, a Associação de Radioamadores do Litoral Alentejano convida-o a juntarem-se a nós em mais um Raid ARLA - subida a pé ao ponto mais alto da Serra da Arrábida seguida de activação SOTA (referência CT/ES-003) no Alto do Formosinho (o ponto de maior altitude da Serra da Arrábida junto a Setúbal, a 501 metros).

A partir do dia 12 de Julho serão divulgadas todas as frequências em que operarão as estações no terreno, pois este convite tem duas vertentes, a dos activadores e a dos "caçadores", sendo para já a primeira que originou este nosso contacto.

É por essa razão que estamos a abrir o processo de adesão para estações que desejem juntar-se à equipa que vai subir a serra, composta neste momento por 2 elementos e aos quais se podem juntar ainda mais 3, no máximo (dependente da autorização ao pedido feito ao Parque Natural da
Arrábida).

Para o efeito, agradecemos que se inscrevam até às 13:00 do próximo Domingo, dia 10 de Julho
de 2016, através do endereço cs5arla@gmail.com

Os dados a transmitir na mensagem serão os seguintes:

. Indicativo de estação;
. Nome de operador;
. Faixa(s) de frequências que se propõem operar;
. Modo(s) de transmissão;
. Outras indicações consideradas úteis e necessárias.

Esperamos desta forma reforçar a actual equipa e proporcionar a todos os interessados, sócios da ARLA ou não, uma oportunidade de fazerem umas horas de rádio ao ar livre, subindo ao cume de uma das serras mais interessantes do país.

O número de inscrições será limitado, não só por questões relacionadas com a autorização do Parque Natural da Serra da Arrábida, como pelo facto de irmos operar demasiado adjacentes uns aos outros, o que exige algum planeamento para não causarmos interferências mútuas.

De acordo com os testes efectuados no terreno, no passado ano de 2013 e no percurso estudado para o efeito, a operação em HF na faixa dos 6 metros terá que ficar reservada apenas para o cume da serra, ou para os acessos próximos no seu ponto de maior altitude, pois o dossel da vegetação que vamos
atravessar no percurso de acesso só permite antenas de pequena dimensão física durante as deslocações.

Dessa forma, o plano original passa por ser uma operação em VHF (faixa dos 2 metros) e UHF (faixa dos 70 centímetros) na ascensão e no regresso, onde se incluiriam (se possível) não só contactos ponto a ponto (em ambas as bandas) como via estações repetidoras de VHF e UHF situadas no local (incluindo a digital DSTAR).

Daqui se pode compreender que 5 elementos seriam a composição ideal para a equipa e que o número de operadores no terreno não poderá ser muito mais extenso, nomeadamente se os proponentes a operarem em HF se disponibilizarem a fazer os percursos de subida e regresso em VHF e UHF.

Apenas os contactos efectuados no local reconhecido para o SOTA contam para este objectivo. As comunicações efectuadas durante a ascensão e regresso apenas contabilizam para o Raid ARLA.

A ascensão começará às 15:00 (hora local) com regresso ao ponto de partida estimado sensivelmente pelas 20:30, pelo que a escolha das faixas de HF para DX deverá ter em consideração as características da propagação habitual nesse período do dia.

Aceitam-se propostas de frequências e modos de transmissão para a activação SOTA no Alto do Formosinho.

A vinculação do evento aos diversos diplomas (incluindo o SOTA) fica à inteira responsabilidade dos elementos interessados nesse propósito.

Até breve e boa preparação.

73 de Miguel Andrade ( CT1ETL )
IM58js - 38º44'57" N/009º11'26" W
CQ Zone 14 ********* ITU Zone 37
endereço em/adress in www.qrz.com/db/CT1ETL
---

recebido directamente via ARLA

Sem comentários:

Enviar um comentário