domingo, 30 de março de 2014

CR500TB - Torre de Belém

O Núcleo de Radioamadores da Armada por ocasião do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2014 vai no próximo dia 18 de Abril, sexta-feira, estar activo desde a Torre de Belém, utilizando o indicativo CR500TB.
A activação decorrerá entre as 08h00 e as 20h00 em fonia e CW nas faixas dos 80m, 40m, 20m, 15m, 10m e 2m e contará com a seguinte equipa de operadores: António Gamito - CT1CZT, José Barbosa - CT1DIZ, David Quental - CT1DRB, Manuel Pires - CT1ELZ, Miguel Andrade - CT1ETL, José Luís - CT1GZB e Rafael Costa - CT4GN.



Referências activas nesta activação:
  • DCFP: F-078 - Torre S. Vicente Belém (Lisboa)
  • DDFP: OER-05 - Freguesia de Paço de Arcos
  • DMHP: LX-005 - Torre de Belém (Lisboa)
  • DMP: 1106 - Município de Lisboa
  • WCA: CT-00254 - Torre de Belém

Divulgação:
ACTIVAÇÃO TORRE de BELÉM

Vem aí a primeira activação do ex-libris da Cidade de Lisboa





18 de Abril –Dia Nacional dos Monumentos e Sítios

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2014 – Lugares de Memória


Um monumento é uma estrutura construída por motivos simbólicos e/ou comemorativos, mais do que para uma utilização de ordem funcional, ele visa perpetuar a memória sobre actos passados. Para tal o ICOMOS - Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios criou em 18 de Abril de 1982 o DIMS – Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, o qual foi aprovado pela UNESCO na sua 22ª sessão, em Novembro de 1983. Desde então, em 18 de Abril comemora-se um pouco por todo o mundo o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. Neste dia pretende-se dar visibilidade aos monumentos e sítios arqueológicos, bairros históricos, etc … enfim a lugares de memória!
Tendo em conta que este ano de 2014 marca o centenário da WWI – e porque de memória se trata – as comemorações do DIMS terão este lugar sob o tema Lugares de Memória e realizam-se em Portugal, de 12 a 20 de Abril.

A política naval portuguesa do século XVI e o progresso das viagens marítimas fizeram do porto de Lisboa uma paragem obrigatória para os que navegavam nas rotas do comércio internacional.  Proteger Lisboa e a sua barra tornou-se uma necessidade pelo que o rei D. João II (1455-1495) teve a iniciativa de traçar um plano inovador e eficaz, que consistia na formação de uma defesa tripartida entre o baluarte de Cascais, a fortaleza de S. Sebastião da Caparica, na outra margem do rio, e uma terceira fortaleza que, devido à sua morte, coube a D. Manuel I, seu sucessor, a tarefa de mandar construir. Foi assim, a cargo do Mestre Francisco Arruda, construída a Torre de Belém, de seu verdadeiro nome “Torre de S. Vicente” – em homenagem ao santo patrono da cidade de Lisboa.
A Torre de Belém é um referente do Portugal Atlântico e periférico e embora ancorada no Tejo, e armada durante séculos com artilharia fixa, remete-nos para a viagem, para o querer, para o êxodo, para o nomadismo do Homem Português pelo Mundo repartido, e para o pioneirismo dos nossos seculares contactos de cultura nos vários espaços insulares e continentais.

O NRA, no seguimento da sua actividade radioamadorística, encontra no texto acima todo o cabimento e justificação para se associar à comemoração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios.
É assim que o Núcleo de Radioamadores da Armada, associando-se ao DIMS, executará no próximo dia 18 de Abril de2014, a primeira activação da “Torre de Belém”.


Posição

38.41.30,2N  -  009.12.57,43W
Quadricula

IM58KJ
Data

18 ABR 2014

Periodo

Patrocínios
Indicativo

CR500TB

8:00 - 20:00

Serão bem vindos se surgirem
Team Leader

Rafael Costa
Equipa de Activação

SSB

CT1CZT
CT1DIZ
CT1GZB

CW

CT1ELZ
CT1DRB
CT4GN

VHF

CT1ETL
Bandas

80

40

20

15

10

2
Modos
Frequências

SSB

3.711
KHz

7.111
 KHz

14.211
KHz

21.211  KHz

28.511
 KHz

VHF
FM

CW

3.511
 KHz

7.011
 KHz

14.011
 KHz

21.011  KHz

28.011
 KHz

NOTA

Frequências recomendadas para uso nas actividades dos Castelos, Fortes, Fortalezas e Monumentos
NOTA:

Não há compromisso ou obrigatoriedade de manter presença ou trabalhar em todas as bandas.
A presença em cada uma delas será aleatória e de acordo com o estado da propagação.
Haverá VHF e provavelmente os 50MHZ estarão activos. Pergunte antes ou veja num cluster no seu monitor!.
Referências Válidas
ACRONIMO

TÍTULO por EXTENSO

REFERÊNCIA
DMHP

Diploma dos Monumentos Históricos Portugueses

LX-005
DDFD

Diploma de Divulgação das Freguesias Portuguesas

LSB-32
DMP

Diploma dos Municípios Portugueses

DMP-1106
WCA

Diploma mundial dos Castelos

CT-00254
DCFP

Diploma dos Castelos e Fortalezas de Portugal

F-078
---
via NRA

Sem comentários:

Enviar um comentário